JB Litoral mostra que pesquisar preços da lista de material escolar gera economia

por Redação JB Litoral
01/02/2019 11:02 (Última atualização: 01/02/2019)

JB Litoral pesquisou, em 06 lojas, o menor preço da lista de material escolar. Foto – AEN

Mais de um milhão de alunos da rede estadual de ensino retornam às aulas no dia 14 de fevereiro, além dos mais de 16,5 mil do ensino municipal de Paranaguá no dia 12 de fevereiro, enquanto que na rede particular, as aulas começam no dia 05.

Com a proximidade do fim das férias, lojas especializadas em vendas de materiais escolares estão com estoque de produtos, buscando atrair pais e responsáveis que necessitam comprar as tradicionais listas fornecidas pelas escolas.

Um relatório divulgado pelo PROCON Paraná, no último dia 17, mostrou que os preços podem variar em até 112%, dependendo da marca e local pesquisado. Uma estimativa realizada pela Associação Brasileira dos Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares (ABFIAE), feita em dezembro, apontou que neste ano, os itens devem ficar 10% mais caros.

Pelo sexto ano consecutivo, o JB Litoral percorreu alguns dos principais comércios do gênero e constatou que as lojas mantém a tradição de preços diferentes da lista dos materiais escolares.

Porém, pesquisar os preços da lista de material escolar continua sendo a melhor maneira para economizar dinheiro na hora da compra. A reportagem, mais uma vez, fez este trabalho aos pais e comparou orçamentos de seis empresas: Casa China, Laurita Center, Hamud Shopping, Papeete Papelaria, Livraria A Página e Loja Havan. A lista contém 28 produtos, mas nem todas as lojas possuíam a totalidade dos artigos. Neste quesito, a Papeete foi a única que se aproximou da quantidade total, com 27 itens, seguida pela Laurita Center (26), Casa China (24), A Página (23), Hamud Shopping (23) e Havan (20). A lista utilizada para realizar a pesquisa foi a divulgada pelo Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem).

Menor e maior preço

Levando em conta os comércios que mais se aproximaram no número de produtos da lista do IPEN, Papeete com 26 itens e Laurita Center com 26 itens, mais uma vez, a Livraria Papeete foi a que ofertou o menor preço, R$ 126,00. A Lauritta, por sua vez, somou R$ 133,61, mas não entrou a curva francesa (R$ 19,90), que constou na lista da Pepeete. Inserindo esse artigo, a lista da Lauritta saltaria para R$ 150,51, considerando o valor do normógrafo (R$ 3,00), único item que faltou na Papeete. O maior preço ficou com a Livraria A Página, com seus 23 itens custando R$ 160,60 e a Loja Havan ficou em penúltimo lugar com sua lista de apenas 20 itens saindo por R$ 147,60.

Itens proibidos dá multa até R$ 3 milhões

Vale lembrar que os PROCON’s de todo o país estão intensificando a fiscalização pelo cumprimento da Lei Federal 12.886/2013, o qual regula a questão do material escolar junto aos colégios particulares. No Paraná, a legislação conta ainda com a Lei Estadual 17.322/12, que proíbe escolas de exigir a compra de materiais de uso coletivo, tais como giz para quadro negro, material de limpeza, higiene, material de expediente, entre outros. Prática feita que já foi denunciado pelo JB Litoral no passado.

As instituições de ensino podem ser multadas em até R$ 3 milhões pelo descumprimento da lei. Entre os produtos proibidos estão: álcool, algodão, argila, balde de praia, balões, bastão de cola quente, bolas de sopro, brinquedos, caneta hidrográfica permanente, caneta para lousa, canudinho, carimbo, cartolina, cola em geral, copos descartáveis, cordão, creme dental, pen drives, E.V.A, TNT, elastex, envelopes, esponja para pratos, estêncil a álcool e óleo, fantoche, feltro, fita dupla face, fita adesiva, para impressora e decorativas, fitilhos, flanela, garrafa para água (squeeze), papel em geral (exceto quando solicitado, no máximo, uma resma por aluno), papel higiênico, ofício colorido, além de gibis, entre outros.

Produtos de uso coletivo, são de responsabilidade das escolas. O Código de Defesa do Consumidor, proíbe a instituição de exigir produtos de marcas, pois fere o direito de livre escolha. Também não pode obrigar que a compra seja feita em determinado local.

Pesquisa foi feita com Itens da lista do IPEM

Apontador

Borracha e ponteira de borracha

Caneta esferográfica/roller/gel

Caneta hidrográfica (hidrocor)

Giz de cera

Lápis (preto ou grafite)

Lápis de cor

Lapiseira

Marcador de texto

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Cola (líquida ou sólida)

Corretor adesivo

Corretor em tinta

Compasso

Curva francesa

Esquadro

Normógrafo

Régua

Transferidor

Estojo

Massa de modelar

Massa plástica

Merendeira/lancheira com ou sem acessórios

Pasta com aba elástica

Tesoura de ponta redonda

Tinta (guache, nanquim, pintura a dedo plástica, aquarela)

Caderno 200 folhas

Caderno de matemática

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments