Ao desembarcar na Ilha do Mel, escada do trapiche quebra e turista quebra a perna

por Redação JB Litoral
17/09/2019 18:01 (Última atualização: 24/02/2020)

Caroline Cerolini

Na manhã desta terça-feira, por volta das 9h20, uma turista quebrou a perna, ao desembarcar do barco para acessar a estrutura, quando a escada de concreto do trapiche da praia de Encantadas, na Ilha do Mel, desabar. A vítima foi socorrida pela equipe médica da praia e encaminhada ao Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, em uma embarcação cedida pelos próprios moradores.

A moradora Carolina Cerolini, que trabalha com transporte náutico entre a ilha e o continente, registrou o momento do atendimento inicial à turista. Segundo ela, foram os próprios moradores que deram os primeiros socorros, até a chegada da equipe médica. Em entrevista à imprensa, ela contou que este não é o primeiro acidente no local. “Uma das escadas já tinha caído com morador há uns dois anos, aí depois o governo veio e colocou uma de alumínio no lugar. Mas isso é um problema muito sério. Semana passada, no feriado de 07 de setembro, o trapiche estava lotado de ponta a ponta. Nossas crianças brincam embaixo, não tem manutenção nenhuma. O nosso maior medo é que aconteça o pior e ele ceda no meio”, desabafa a moradora.

Os trapiches das praias de Encantadas e Brasília são alvos de denúncias a respeito do descaso com a manutenção da estrutura há vários anos. Apesar de a Ilha do Mel ser parte do município de Paranaguá, a responsabilidade pela conservação do local e sua infraestrutura é do Instituto Ambiental do Paraná (IAP). No caso do trapiche de Brasília, no período de um ano, a passagem foi reformada e cedeu quatro vezes, deixando feridos e foi interditada, pela Marinha.

Em Encantadas, Carolina diz que o trapiche está condenado. “Nunca teve reforma desde que foi feito, há vinte anos. Aparentemente, ele parece menos pior que o de Brasília, mas está tão prejudicado quanto”, denuncia.

Em nota, o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) lamentou o ocorrido com a turista, na queda da escada do trapiche de Encantadas. “Os técnicos do órgão irão fazer uma perícia no local para verificar se há algum problema na estrutura ou somente na escada. O conserto da estrutura será realizado nos próximos dias. Informamos, também, que a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA) já finalizou os projetos para a construção de novos trapiches em Encantadas e Brasília. A previsão é que as obras iniciem ainda neste ano”, informa.

Com informações da Gazeta do Povo

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments