Após período chuvoso, atenção com focos de dengue deve redobrar

por Maisy Pires
26/01/2021 18:53 (Última atualização: 26/01/2021)

Foto: Márcio Tibilletti

O grande volume de chuva registrado nas últimas semanas no litoral, aliado ao calor da atual estação, é uma oportunidade perfeita para a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

De acordo com o boletim semanal da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), não houve novos casos de Dengue no litoral. Sendo assim, o novo boletim desta terça-feira (26) mostra 163 casos confirmados da doença. Sendo 161 em Paranaguá; 1 em Matinhos e 1 em Guaratuba.

Os dados são referentes ao atual período epidemiológico com início em agosto de 2020 e término no final de junho de 2021.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Cuidados

Apesar da água parada em vias públicas, o diretor da 1ª Regional de Saúde, José Carlos de Abreu, destaca que é imprescindível que as pessoas mantenham as suas residências e terrenos limpos. “As pessoas têm que buscar focos de água parada dentro de sua residência, porque é ali que há uma proliferação de mosquitos. Sem esquecer-se de proteger as caixas d’agua, olhar os ralos de pias, e procurar se a água não se acumula em algum lugar no interior dos terrenos. Quem tem ar condicionado, precisa observar se na bandeja de condensação não tem uma água acumulada. Aquelas geladeiras um pouco mais antigas também podem ter água e abrigar o mosquito”, recomenda.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments