Comunidade pode sugerir passeios para criar Inventário Turístico em Paranaguá

por Redação JB Litoral
11/09/2019 21:50 (Última atualização: 24/02/2020)

JB Litoral

Desde julho, Paranaguá conta com a Convention & Visitors Bureau, uma organização mundial de instituições que promovem o turismo e a receptividade de uma cidade ou localidade para convenções e visitação de eventos e atrações diversas. Uma das primeiras iniciativas da organização, chamada Visite Paranaguá, é estruturar a questão turística no município, definindo os principais passeios que podem ser oferecidos ao turista.

O Presidente José Reis de Freitas Neto, que é, também, Administrador, Diretor Financeiro da Agência de Desenvolvimento do Turismo (Adetur) e integrante do Conselho Municipal de Turismo, diz que o objetivo é alavancar o desenvolvimento econômico, turístico e social cidade, com ações objetivas e montagens de roteiros direcionados a públicos diferenciados. “O momento é um dos melhores para o setor, que espera uma parceria entre os setores públicos e os empresários locais”, diz. De acordo com ele, o Visite Paranaguá será um instrumento de planejamento, promoção, apoio, captação e geração de eventos e incentivo ao turismo de entretenimento e lazer, fomentando a economia local. 

João conta que a Convention identificou que, até mesmo, os próprios parnanguaras, não conhecem os atrativos da cidade. “Por isto, vimos que, inicialmente, precisamos saber o que temos dentro do município para, então, colocarmos na prateleira e vendermos”, afirma. Daí nasceu esta “chamada” de passeios turísticos, que devem ser enviados pela própria comunidade e analisados pela organização.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Sugerir passeios

Aqueles que quiserem enviar sugestões de passeios na área de Paranaguá ou que englobem o município podem entrar neste link e preencher as informações solicitadas. “Todos os que promovem ou apenas conhecem algum passeio podem participar. Pode ser aquele lugar especial que o morador adora, mas que tem dificuldades na infraestrutura. Queremos auxiliar na melhora do acesso, infraestrutura e acessibilidade e, se a pessoa quiser organizar o passeio, queremos ajudar na divulgação e estruturação, proporcionando ao organizador a renda e/ou, ainda, transformando essa pessoa em um agente do turismo sustentável na região”, explica José Reis. 

Todos os passeios aprovados irão para o Inventário Turístico e, os com viabilidade imediata, estarão, também, em uma plataforma digital, onde serão comercializados. “Todas as cidades que têm Convention apresentam um ganho de quase 30% na movimentação. A partir do momento que ele é criado, recursos começam a vir para a cidade, começa a atrair eventos e a gente quer que o comércio local seja beneficiado. A intenção é que os empresários possam trabalhar juntos, temos que trabalhar o cooperativismo na cidade, pois, a partir do momento em que criamos esses laços, as coisas começam a andar, outros vão querer participar e vai gerar um novo ritmo de trabalho”, declara.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments