Política

Daitschman e Baka; os candidatos que declararam mais bens no TSE

Por Redação JB Litoral
24/07/2014 00:00 |
Atualizado em 00:00

Um levantamento feito pelo JB no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), www.tse.jus.br, na ferramenta DivulgaCand, entre os 18 candidatos de Paranaguá para Assembleia Legislativa do Paraná e Câmara Federal, mostrou que o empresário Sérgio Luiz Castilho Daitschman do PPS e o ex-prefeito José Baka Filho do PDT, são os que declararam ter o maior valor, em bens patrimoniais, nesta eleição.

O primeiro que disputa uma vaga como deputado estadual declarou R$ 5.633.000,00 em bens, enquanto o ex-prefeito que busca, novamente, uma vaga como deputado federal, declarou ter R$ 1.029.125,69 de patrimônio. O empresário Daitschman, mesmo sendo o campeão em bens, anunciou um limite de gasto de R$ 1 milhão na campanha, enquanto que Baka deu um limite de R$ 6 milhões de gastos na campanha, quase seis vezes mais que os bens declarados.

Ainda na disputa pela Assembleia Legislativa, o vice-campeão de bens declarados, o empresário Cilo Coelho do PSD, que havia anunciado a disputa por cadeira na Câmara Federal, anunciou um patrimônio de R$ 4.105.882,60 e um limite de gasto de R$ 3 milhões na sua campanha.

Entre os 13 candidatos para Assembleia Legislativa, três deles declararam não terem nenhum patrimônio para declarar como bem material no TSE. Foram eles, o empresário José Reinaldo Fernandes do PSL, o comerciante Luis Adriano Felix dos Santos e o Pastor Elias José de Oliveira, ambos do PEN. Mesmo sem declarar bens, o Pastor Reinaldo anunciou um limite de gasto de R$ 800 mil, enquanto que os dois candidatos do PEN, anunciaram um limite de gastos na campanha de R$ 2 milhões.

Para Câmara Federal, duas candidatas Maria Cirleide da Silva do PSB e Gisele da Silva Costa, mais conhecida por Gisele Libório, declarou não terem nenhum bem patrimonial. As duas, porém, anunciaram um limite de gastos na campanha de R$ 2 milhões e R$ 6 milhões respectivamente.

Veja os valores dos bens declarados de cada um dos 18 candidatos.   

 

Assembleia Legislativa do Paraná

Sérgio Daitschman – PPS – R$ 5.633.000,00 em bens

Cilo Coelho  – PSD – R$ 4.105.882,60 em bens

Frisoli – PTB – R$ 1.340.553,79 milhões em bens

Marcio Costa – PRP – R$ 580 mil em bens

André Pioli – PT – R$ 357.118,76 em bens

Albino Tramujas – PSC – R$ 321.841,00 em bens

Waldir Leite – PSC – R$ 233.980,00 em bens

Marcus Roque – PMBD – R$ 208.202,09 em bens

Fabiano Oliveira– PPS – R$ 29 mil em bens

Pastor Reinaldo Fernandes – PSL – Nenhum bem

Luis dos Santos – PEN – Nenhum bem

Pastor Elias – PEN – Nenhum bem

 

Câmara Federal

Baka – PDT – R$ 1.029.125,69 em bens

Gisele da Silva Costa – PDT– Nenhum bem

Marcelo Roque – PV – R$ 359.165,58 em bens

Vereador Edu – PSDB – R$ 359 mil em bens

Maria Cirleide – PSB – Nenhum bem