Paranaguá

Mulher surta e quebra vidros de ponto de ônibus e da guarita do IFPR, no Porto Seguro, em Paranaguá

Por Diogo Monteiro
25/07/2022 15:39 |
Atualizado em 3 semanas atrás

Uma mulher de 21 anos foi detida na manhã desta segunda-feira (25), no bairro Porto Seguro, após entrar em surto e depredar um ponto de ônibus e a guarita do Instituto Federal do Paraná (IFPR), em Paranaguá. Natasha Guimarães Paes Leme foi detida por moradores até a chegada da Guarda Civil Municipal (GCM) e da Polícia Militar (PM).

Por volta das 11h, equipes da Rádio Patrulha Auto (RPA) foram acionados via 190 para prestar atendimento a uma situação de ameaça na Avenida Antônio Carlos Rodrigues, no bairro Porto Seguro. Assim que os militares chegaram para atender a ocorrência, encontraram Natasha contida por dois agendes da GCM, que informaram que a vítima estava apresentando sinais de uso de entorpecentes e se encontrava bastante agressiva.

  • Mulher surta e quebra vidros de ponto de ônibus e da guarita do IFPR, no Porto Seguro, em Paranaguá, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná
  • Mulher surta e quebra vidros de ponto de ônibus e da guarita do IFPR, no Porto Seguro, em Paranaguá, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná
  • Mulher surta e quebra vidros de ponto de ônibus e da guarita do IFPR, no Porto Seguro, em Paranaguá, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná

Testemunhas contaram aos policiais que Natasha começou a xingar e agredir verbalmente os alunos e funcionários do IFPR. Após ser repreendida, ela se armou com pedras e começou a atirar nos veículos que estavam estacionados próximos ao campus, na sequência, pegou uma pedra maior e jogou contra o ponto de ônibus, estourando os vidros, e, em seguida, atirou a mesma pedra contra a guarita da instituição, sendo então contida por moradores. Durante o surto, Natasha machucou uma das mãos e precisou ser encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Baduca. Após ser devidamente medicada, ela foi encaminhada para a Delegacia Cidadã de Paranaguá para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Qualquer ato de vandalismo deve ser denunciado através do número 153 da Guarda Civil Municipal ou ainda pelos telefones 3420-2916 / 3420-2918.

Vídeo feito por alunos mostra o momento em que a mulher atira uma pedra contra o ponto de ônibus: