Antonina

Litoral tem mais eleitores aptos a votar nas eleições presidenciais deste ano do que em 2018

Região superou tendência nacional; em todo o País o crescimento de eleitores aptos é superior a 6% e, aqui, mais de 9%
Por Flávia Barros
18/07/2022 17:01 |
Atualizado em 10:13

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou, na última sexta-feira (15), o perfil dos brasileiros que têm o direito de votar nas eleições presidenciais marcadas para 2 de outubro. Segundo o TSE, é o maior número de pessoas aptas a votar já registrado no Brasil. São 156.454.011 (cento e cinquenta e seis milhões e quatrocentos e cinquenta e quatro mil e onze) eleitores ou 9,1 milhões a mais do que em 2018, o que representa um crescimento acima de 6%.

Para saber se o litoral do Paraná também seguiu essa tendência de aumento, o JB Litoral fez um levantamento por meio dos dados disponíveis no portal do TSE. Com a pesquisa, a reportagem constatou que, nas eleições presidenciais de 2018, os eleitores em dia com a justiça eleitoral, portanto, aptos a votar, eram 195.761. Já para o pleito de outubro próximo, são 213.957 eleitores que podem ir às urnas; um aumento de 9,29%, mesmo com Antonina e Guaraqueçaba registrando menor número geral de eleitores aptos em relação ao pleito de 2018.

Causas do crescimento

Mesmo com muitos adolescentes vistos nas filas para não perder o prazo do alistamento eleitoral, encerrado em 4 de maio, engana-se quem pensa que esse aumento de quase 9,3% dos eleitores do litoral seja devido ao crescimento do eleitorado na faixa dos 16 e 17 anos. Pelo contrário, mesmo estando no grupo que têm direito, mas não são obrigados a votar, nas sete cidades da região há menos adolescentes aptos a votarem, em 2022, do que havia em 2018, conforme demonstram os números a seguir.

CidadeEleitores de 16 e 17 anos aptos em 2018Total de eleitores aptos em 2018Eleitores de 16 e 17 anos aptos em 2022Total de eleitores aptos em 2022
Antonina97 + 207 = 30416.90813 + 48 = 6114.923
Matinhos142 + 315 = 45725.00358 + 133 = 19130.506
Morretes23 + 111 = 13411.95432 + 32 = 6413.162
Guaraqueçaba78 + 159 = 2377.59602 + 27 = 296.639
Guaratuba77 + 244 = 32122.59629 + 72 = 10126.780
Paranaguá116 + 473 = 58996.010102 + 323 = 425102.562
Pontal do Paraná78 + 201 = 27915.69425 + 70 = 9519.385

Regularizados

Mesmo com o engajamento dos adolescentes e a participação atuante deles em ambientes como as redes sociais, o crescimento do número de eleitores aptos a votar foi puxado por aqueles que tinham pendências e foram regularizadas, segundo contou ao JB Litoral o técnico judiciário e Chefe de Cartório da 5ª Zona Eleitoral de Paranaguá, Sérgio Paulo Kawka. “De 1º de janeiro de 2022 a 4 de maio, quando fechou o cadastro eleitoral, tivemos 3.085 alistamentos eleitorais, provavelmente a grande maioria de jovens até 18 anos. Mas tínhamos muitos eleitores cancelados desde a revisão de 2016 e que agora estão aptos a votar porque recolheram as multas, o que pode explicar esse aumento do número geral”, disse Sérgio.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO
Litoral tem mais eleitores aptos a votar nas eleições presidenciais deste ano do que em 2018, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná

Mulheres são maioria

De acordo com os números divulgados na sexta pelo TSE, o eleitorado feminino, que já era mais da metade do total nas eleições presidenciais de 2018, aumentou ainda mais. Saltou de 77,3 milhões eleitoras para 82,3 milhões, o que representa 52,65% do eleitorado brasileiro.

Já os homens são pouco mais 74 milhões de eleitores. A porcentagem da participação dos homens no total do eleitorado caiu de 47,45%, em 2018, para 47,33% aptos a votar nas eleições deste ano.

Porcentagens que se mantêm equivalentes no Paraná, com 52,59% de eleitoras e 47,41% de eleitores homens.