Stereo Pop

“Marighella” é o filme brasileiro mais visto desde o início da pandemia

Por Stereo Pop
09/11/2021 00:54 |
Atualizado em 00:54

Cred imagem – Ariela Bueno/ Sinny Assessoria e Comunicação

Na última quinta-feira (4), o primeiro longa-metragem dirigido por Wagner Moura, “Marighella“, estreou nos cinemas brasileiros, exatamente 52 anos após o assassinato de Carlos Marighella pela Ditadura Brasileira, em 1969.

A produção, que conta a história dos últimos anos do guerrilheiro que liderou um dos maiores movimentos de resistência contra a ditadura militar no Brasil, na década de 1960, já alcançou 100 mil espectadores em 300 salas de cinema, incluindo as sessões de pré-estreias, se tornando o filme brasileiro mais visto desde o início da pandemia, em março de 2020.

Marighella, interpretado por Seu Jorge, comanda um grupo de jovens revolucionários que tenta divulgar sua luta contra a ditadura para o povo brasileiro, mas a censura descredita a revolução. Seu principal opositor é Lucio, vivido por Bruno Gagliasso, um policial que o intitula de inimigo público número 1. Quando o cerco se fecha, Marighella é emboscado e morto, porém seus ideais sobrevivem nas ações dos jovens guerrilheiros, que persistem na revolução.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO
“Marighella” é o filme brasileiro mais visto desde o início da pandemia, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná

Antes da estreia no Brasil, “Marighella” passou por importantes festivais pelo mundo, sendo exibido em Berlim, Seattle, Hong Kong, Sydney, Santiago, Havana, Istambul, Atenas, Estocolmo e Cairo.

O elenco ainda conta com Luiz Carlos Vasconcellos, Herson Capri, Humberto Carrão, Adriana Esteves, Bella Camero, Maria Marighella, Ana Paula Bouzas, Carla Ribas, Jorge Paz, entre outros.

O filme tem produção da O2 Filmes e coprodução da Globo Filmes e Maria da Fé. A distribuição é da Paris Filmes e da Downtown Filmes.

“Marighella” é o filme brasileiro mais visto desde o início da pandemia, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná