PM desmantela esquema de furto de carga e prende três suspeitos

por Redação JB Litoral
09/02/2021 12:41 (Última atualização: 4 semanas atrás)

Na segunda-feira, 8, na cidade de Paranaguá, policiais militares prenderam três homens, suspeitos de envolvimento em um esquema para o desvio de uma carga de açúcar refinado. Na ação houve a apreensão de uma caminhonete, documentos e uma réplica de pistola, além do veículo onde estava o produto.

De acordo com informações repassadas pela PM, tudo começou por volta das 12h50, quando uma equipe de Rádio Patrulha foi acionada para dar atendimento a uma denúncia sobre um furto de carga que estava ocorrendo em uma empresa privada, no Jardim Guadalupe, em Paranaguá.

O solicitante, gerente da empresa, informou que ao verificar o sistema de controle com fotos do caminhão e minuta de descarga, teria percebido que um veículo, com placas de Maripá, Paraná, carregado com 38 toneladas de açúcar refinado, não se encontrava no local para o descarregamento. Outro fato que fez o solicitante desconfiar do furto foi a pessoa que se identificou como motorista do caminhão, que apresentou a minuta para descarga, vindo de uma rua em frente, na qual percebeu uma camionete Hilux ligada e com vidros fechados.

Ao analisar a minuta, o solicitante notou que a assinatura que constava no documento não conferia com a de seus funcionários. Diante de tais fatos, resolveu acionar a Polícia Militar, a qual imediatamente enviou uma equipe policial para averiguar a situação.

Instantes depois, nas imediações da empresa, os militares localizaram a caminhonete, com placas de Itaporanga, São Paulo, e abordaram João Marino Rodrigues Filho, de 28 anos, e Renato Nascimento Cardoso, de 49, ambos com endereço em Paranaguá. Em vistoria no veículo, foram encontradas várias notas de descargas de caminhão, bem como outros documentos correlatos, além de um simulacro de pistola.

De acordo com testemunhas, havia um terceiro homem com os suspeitos, o qual, possivelmente estaria armado e com muito dinheiro. Ele teria idos até um bar próximo e, ao perceber a abordagem policial na Hilux, saiu imediatamente do local.

Terminada a abordagem e encaminhado os suspeitos com os materiais encontrados para os procedimentos de praxe, os policiais se deslocaram até a empresa, onde ainda se encontrava o motorista do caminhão, identificado como Dilson Rubin Pootz, de 54 anos.

Ao ser abordado, o caminhoneiro passou a relatar que estava em um posto de gasolina na cidade, quando um homem, possivelmente o que fugiu do bar, ofereceu-lhe R$ 5 mil para que ele fosse até a empresa e apresentasse a minuta falsa e que, após isso, iriam para um barracão realizar o descarregamento do produto.

Na averiguação, foi apurado pelos policiais, que o acesso ao sistema para dar baixa na carga foi utilizado por um dos suspeitos, pois, como ex-funcionário da empresa, sabia como fazê-lo utilizando o acesso de um outro funcionário.

O caminhão com o açúcar foi encaminhado para descarga na empresa, sendo posteriormente apreendido com uma amostra do produto. Todos os suspeitos, juntamente do simulacro, camionete e documentos apreendidos, foram apresentando no plantão da Delegacia Cidadã.

Os três presos foram autuados em flagrante pelo crime de furto qualificado.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments