Primeira super peça do ano é embarcada no Porto de Paranaguá

por Redação JB Litoral
07/03/2020 13:15 (Última atualização: 09/03/2020)

Primeira super peça do ano é embarcada no Porto de Paranaguá. (Foto: Marcon)

Um condensador, de 100,1 toneladas, foi embarcado neste sábado (7), pelo Porto de Paranaguá. Fabricada em Piracicaba, Interior de São Paulo, a peça foi importada por uma Usina de Açúcar de Cali, na Colômbia. O item industrial vai ser desembarcado no Porto de Cartagena. Uma operação especial vai garantir o embarque aqui no Paraná.

O navio Arc Resolve, que vai levar a peça até a Colômbia, atracou no porto paranaense no início da noite de sexta (6). A embarcação é do tipo “Roll on-Roll off”, ou seja, geralmente utilizada para transportar veículos (carros, caminhões, ônibus) e outras cargas que entram e saem, sobem ou descem a rampa do navio, por próprios meios – rodando.

Como explica Jorge Lemos, da Marcon, empresa responsável pela operação especial, a peça também subiu o navio sobre rodas. “Esta é uma operação que requer um cuidado mais apurado. Porém, é bem simples”, afirma.

Segundo ele, a peça já estava acomodada, no pátio do Porto de Paranaguá, sobre uma plataforma com rodas (maffi). “Usamos um trator especial do navio (um tugmaster) para puxar a plataforma. Este foi operado pelo nosso melhor operador do equipamento”, pondera Lemos.

Ainda de acordo com o representante da empresa, o operador pegou a peça no pátio e levou direto, pela rampa, até o interior da embarcação. “A operação foi acompanhada pelos nossos supervisores, que têm muita experiência na carga e descarga de peças super pesadas”, garante.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Conheça a peça

Como detalha a indústria fabricante, trata-se de um condensador de superfície. “Tipo um trocador de calor casco-tubo usualmente utilizado em conjunto com turbinas a vapor de condensação. É o equipamento responsável pela “produção” do vácuo no escape dessas turbinas – com o objetivo de maximizar o salto de energia disponível no vapor -, e pelo retorno de condensado ao sistema”.

O condensador “gigante” chegou em Paranaguá na terça-feira (3). Foi necessário mais de 24 horas de viagem, da origem até o Litoral do Paraná. Além da peça, outros 15 volumes foram embarcados para exportação no mesmo navio, especialmente ônibus e máquinas agrícolas.

De importação, o Arc Resolve trouxe ao Porto de Paranaguá mais um item de colecionador brasileiro: um automóvel Mercury Sedan 1976, que ficará armazenado em um dos armazéns.

Com informações da Portos do Paraná