Paranaguá

Receita Federal realiza 6ª apreensão de cocaína no Terminal de Contêineres de Paranaguá

Por Diogo Monteiro
30/05/2022 17:03 |
Atualizado em 17:03

A Receita Federal do Brasil (RFBR) realizou, na manhã desta segunda-feira (30), a sua sexta apreensão de cocaína no Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP). Desta vez, os agentes interceptaram 15,5 kg de pasta base de cloridrato de cocaína; o entorpecente estava escondido em uma unidade refrigerada que tinha como destino final o porto de Algeciras, na Espanha.

O material foi localizado após a unidade passar pelo sistema de escaneamento do TCP. Após analisar as imagens, os agentes abriram o contêiner e encontraram a droga escondida no motor de refrigeração da unidade. A inspeção por scanners é uma das medidas adotadas pela RFBR para realizar a verificação das mercadorias de maneira não invasiva, garantido a agilidade no comércio exterior e, ao mesmo tempo, impedindo a ação de criminosos que buscam enviar e receber ilegalmente mercadorias através das unidades alfandegadas brasileiras.

Desde o início de 2022, os agentes já interceptaram 295.5 kg de cocaína que seriam enviadas para a Europa.