Vacinação contra gripe H1N1 começa na próxima segunda-feira (dia 17)

Meta é imunizar 42.834 pessoas, de vários grupos prioritários, incluindo crianças, idosos com mais de 60 anos, trabalhadores de saúde, indígenas, gestantes, pacientes com comorbidades e professores.

por Redação JB Litoral
13/04/2017 14:10 (Última atualização: 13/04/2017)

Inicia na próxima segunda-feira (dia 17) e vai até 26 de maio a campanha nacional de vacinação contra a gripe Influenza H1N1 em Paranaguá. A meta é imunizar 42.834 pessoas de vários grupos prioritários. As doses estarão disponíveis em todas as unidades básicas de saúde, em horário comercial. 

Haverá esquema especial para moradores de colônias e ilhas, com data ainda a ser definida. Técnicos da Secretaria Municipal de Saúde e Prevenção (Semsap) estão se planejando para realizar o serviço de imunização também em alguns pontos itinerantes. O Dia D da vacinação será em 13 de maio. Nesta data (um sábado) as unidades ficarão abertas durante o dia todo para vacinar os grupos prioritários. 

A população-alvo inclui pessoas com 60 anos ou mais (12.727), crianças de seis meses a quatro anos de idade (10.340), gestantes (1.801), puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto) (296), profissionais de saúde (2.536), indígenas (33), portadores de doenças crônicas (15.101), população privada de liberdade (90) e funcionários do sistema prisional (39). 

Uma novidade para este ano foi a inclusão, pelo Ministério de Saúde, de professores do ensino regular e superior de instituições públicas e privadas em atividade. A meta para esse público não foi divulgada, mas vale lembrar que o profissional deve apresentar declaração do estabelecimento de ensino, que ficará retida no ato da vacinação.

O secretário municipal de Saúde e Prevenção, Paulo Henrique de Oliveira, pede que a população beneficiada procure as unidades para se imunizar já no começo da campanha, tendo em vista que a tendência é queda nas temperaturas, o que aumenta as chances de contrair gripe. 

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

“Com o início do inverno é importante que esse público-alvo se vacine, pois o quadro epidêmico de doenças respiratórias, muito comum nesta época do ano, pode se tornar mais grave. Por determinação do prefeito Marcelo Roque, estamos nos planejando e tomando todas as medidas para que nossa população se vacine contra a gripe”, destacou o secretário. 

 

Fonte:PMP

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments