O último adeus ao cantor José Rico

José Rico de 68 anos, que fazia dupla sertaneja com Milionário, morreu nesta terça-feira (03) no hospital Unimed de Americana, após ter uma insuficiência do miocárdio, seguida de parada cardíaca.

por Redação JB Litoral
04/03/2015 15:00 (Última atualização: 04/03/2015)

NULL

Familiares, amigos, fãs e admiradores se reuniram nesta quarta-feira (4) para dar o último adeus ao cantor José Alves dos Santos, conhecido como José Rico, que fazia dupla com Milionário. Milhares de pessoas estiveram na Câmara Municipal de Americana, no interior de São Paulo. O corpo seguiu em carro aberto do Corpo de Bombeiros para o Cemitério da Saudade, onde foi sepultado sob aplausos.

Entre as personalidades da música sertaneja que foram a Americana prestar homenagens a José Rico, destaque para os músicos Leonardo, César Menotti, Djavan, além é claro, de seu parceiro de mais de 40 anos. A cerimônia no plenário Dr. Antônio Álvares Lobo começou às 19h de terça-feira e foi restrita apenas a familiares e amigos mais próximos. O local foi aberto para o a partir das 21h. Por volta das 9h desta quarta, quando o velório foi encerrado, mais de 500 pessoas ainda estavam na fila em frente à Câmara Municipal para se despedir do cantor sertanejo autor de clássicos da música, como Estrada da Vida e Boate Azul.

José Rico de 68 anos, que fazia dupla sertaneja com Milionário, morreu nesta terça-feira (03) no hospital Unimed de Americana, após ter uma insuficiência do miocárdio, seguida de parada cardíaca. O sertanejo era pernambucano, nascido em São José do Belmonte no ano de 1946. Ele adotou o nome de José Rico em referência a cidade paranaense de Terra Rica, onde foi criado desde os dois anos de idade. O cantor era casado com Berenice Martins Alves dos Santos e deixa dois filhos.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Junto com Romeu Januário de Matos, o Milionário, ele formou na década de 70 a dupla Milionário e José Rico, uma das referências da música sertaneja e que continuava a fazer shows por todo o País. No próximo dia 15 de março, a dupla se apresentaria na festa em comemoração aos 470 anos de Guaraqueçaba. Milionário e José Rico são gravaram por 29 álbuns e venderam cerca de 35 milhões de discos.

 

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments