Prefeitos do litoral entregam reivindicações aos representantes do governo do Estado

por Maisy Pires
10/02/2021 17:31 (Última atualização: 2 semanas atrás)

Foto: Maisy Pires/JB Litoral

Os prefeitos das sete cidades do litoral do Paraná, exceto a prefeita de Guaraqueçaba, Lilian Ramos Narloch (PSC), que estava representada pelo secretário de Saúde e vereador Alcendino Ferreira Barbosa, o Tchuca da Saúde (PSDB), receberam nesta quarta-feira (10), na prefeitura de Paranaguá, o secretário-chefe da Casa Civil, Guto Silva, o secretário estadual do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo do Paraná, Márcio Nunes, o secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex.

Além disso, estavam presentes os deputados estaduais Paulo Roberto da Costa, o Galo (Podemos), Alexandre Curi (PSB) e Fernando Destito Francischini (PSL), o diretor-empresarial da Portos do Paraná, André Luiz Pioli, o diretor-presidente da Invest Paraná, José Eduardo Bekin, e demais convidados.

O prefeito de Paranaguá e presidente da Associação dos Municípios do Litoral do Paraná (Amlipa), Marcelo Elias Roque (Podemos), disse que o encontro teve como objetivo a entrega das demandas da região para o Estado. “É muito bom ter político de credibilidade no litoral, pois é por isso que o governador do Paraná confia no trabalho dos prefeitos. Podemos dizer que hoje o Governo se instalou no município de Paranaguá para receber as reivindicações”.

Marcelo explicou que os prefeitos se reuniram e definiram as necessidades de cada cidade. Segundo ele, entre as solicitações estão a duplicação da PR-407, que liga Paranaguá à Pontal do Paraná; a ponte de Guaratuba; a pavimentação da PR-405 de Guaraqueçaba; a engorda da praia de Matinhos; a PR-340, que liga Antonina à BR-277; o Hospital público-privado para Morretes. “São obras que beneficiarão todo o litoral. Precisamos aproveitar esse olhar diferenciado do governador Ratinho Júnior”, destacou o prefeito.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Investimentos no litoral

O chefe da Casal Civil ressaltou que os projetos mudarão a cara do litoral. Guto Silva adiantou que vários projetos já estão previstos para a região, com orçamentos destinados, sendo R$ 600 milhões apenas no primeiro lote de financiamento. Para ele, o grande desafio será driblar o tempo. Agora, segundo Guto, o Estado está alertando os prefeitos para que sejam criadas condições que acelerem os projetos, para que as benfeitorias sejam realizadas o mais rápido possível. “O litoral não tem tempo a perder. Precisamos agilizar toda a máquina dos governos estadual e municipal para que os recursos sejam aplicados”, disse Guto Silva.

O secretário Márcio Nunes falou à imprensa sobre a importância da geração de emprego e renda. De acordo com ele, muitas empresas de transportes deixaram de estar no Paraná por questões de incentivos fiscais e, por isso, há uma parceria entre os municípios e o Estado para atrair empresas para o litoral. “Queremos que haja o equilíbrio entre o crescimento, desenvolvimento, geração de emprego e renda, cuidado com o meio ambiente e turismo. Por isso, estamos fazendo essa parceria com as prefeituras, principalmente Paranaguá, para trazer a estrutura da Invest Paraná para cá. Então, estamos trabalhando para melhorar a vida das pessoas”.

Confira a entrevista na live do JB Litoral.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments