Cidades

CMAE de Paranaguá organiza palestras sobre TDAH no ambiente escolar

Por Gabriel Santos
07/07/2022 18:05 |
Atualizado em 13:12

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 4% da população mundial é diagnosticada com o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). No Brasil, 2 milhões de pessoas vivem com o transtorno neurobiológico, que apresenta os primeiros traços logo na infância, segundo a OMS.

Para servir como uma forma de conscientizar professores e pedagogos sobre o distúrbio, a secretaria de Educação de Paranaguá promoveu uma série de palestras com especialistas que estudam o assunto. O evento aconteceu na última quarta-feira (6), no auditório do Sesc, e reuniu 150 profissionais da educação da rede pública de ensino.

Com o objetivo de mostrar as melhores formas de entender o TDAH dentro do ambiente escolar, a proposta de organizar o encontro partiu da superintendente de Atendimento e Inclusão da Secretaria Municipal de Educação (Semedi), Irazilda Bisson Dalago. A servidora atua como diretora do Centro Municipal de Avaliação Especializada de Paranaguá (CMAE).

Uma das palestrantes, a médica neurologista Dra. Yvelise Truppel, falou sobre o transtorno e suas características sob o ponto de vista neurológico. “Percebemos que os sintomas aumentam, especialmente quando as crianças iniciam o período escolar. Neste ambiente, os professores percebem e fazem as orientações para os pais que, consequentemente, nos procuram”, comentou.

Sobre o CMAE

O espaço educativo disponibiliza uma equipe multidisciplinar voltada a contribuir no desenvolvimento dos alunos das escolas municipais que apresentam problemas de aprendizagem. A partir do diagnóstico dos profissionais do CMAE, os estudantes recebem um atendimento especial com o objetivo de acompanhá-los no desenvolvimento educativo e social durante o período escolar.