Doa a quem doer

Guaraqueçaba de luto por Paulo Afonso e Paranaguá por Paulo Tadashi

Por Direto da Redação
14/06/2021 09:43 |
Atualizado em 17:43
Guaraqueçaba de luto por Paulo Afonso e Paranaguá por Paulo Tadashi, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná

A prefeita Lilian Ramos Narloch assinou o Decreto n° 114/2021, vestindo de luto a ecológica cidade de Guaraqueçaba, por conta do falecimento do ex-vereador Paulo Afonso (Foto), pela doença da Covid-19.

Muito querido na cidade, vereador de três mandatos, Paulo disputou em 2020 a prefeitura da cidade pelo PP, tendo como vice o Dr. Almir da Clínica São Paulo, de nossa cidade, e perdeu para Lilian. Mas o partido elegeu Ivan França.

O interessante é que Paulo tomou a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no dia 12 de maio, porém, após isso, ficou adoentado por cerca de 8 a 10 dias, sendo hospitalizado na Clínica São Paulo e, depois, no hospital São Lucas, em Campo Largo. Entretanto, seu quadro de saúde piorou e ele faleceu no sábado.

Em sua postagem nas redes sociais, a prefeita Lilian, lamentou a partida precoce desse benquisto morador da Ilha das Peças, empresário de gastronomia e transportes marítimos.

“Paulo Afonso será lembrado como um grande amigo em sua comunidade e nos demais locais por onde passou. Religioso, esteve sempre presente nas festas dos padroeiros de Ilha das Peças, de São Sebastião, e todos os anos na festa de Bom Jesus de Iguape”, postou Lilian. Aos 48 anos, ele encerrou sua passagem deixando sua esposa Lucilene Ribeiro, os filhos Wiliam e Nadine, e duas netas.

Em Paranaguá, a Covid levou Paulo Tadashi

Guaraqueçaba de luto por Paulo Afonso e Paranaguá por Paulo Tadashi, JB Litoral - Notícias de Paranaguá, Guaratuba, Morretes, Guaraqueçaba e litoral do Paraná

E o final de semana foi o dia da triste partida dos Paulos, que tiveram passagens marcantes no litoral, pois além do ex-vereador em Guaraqueçaba, em nossa cidade, a Covid-19 também fez mais uma vítima, Paulo Tadashi, irmão do empresário que marcou o setor de lanchonete com seu tradicional bar do Hiroshi diante da Igreja de Nossa Senhora da Paz, no bairro das Casas Populares.

Com seus salgados tradicionais, servidos num ambiente aconchegante e descontraído, ele atendia clientes de todas as classes sociais e dos mais variados segmentos da sociedade.

Mas, no domingo, ele perdeu a batalha para a doença e deixou uma legião de clientes e amigos, além dos seus familiares saudosos pela sua partida, que ocorreu ontem após o velório e sepultamento realizado das 15 às 17 horas. A direção e equipe de jornalismo expressam seus pêsames para as famílias de Paulo Afonso e Paulo Hiroshi.