Suspeitos de tráfico de drogas são presos em Morretes após denúncia no 181


Por Redação Publicado 06/06/2022 às 08h32 Atualizado 17/02/2024 às 10h02

Na cidade de Morretes, dois rapazes e uma moça foram presos no início da madrugada de domingo, 5, por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas. Na ação houve a apreensão de porções de cocaína, dinheiro e balança de precisão.

Por volta da meia noite, uma equipe da Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) foi verificar uma denúncia, repassada através do telefone 181, informando sobre o comércio de entorpecentes em uma casa na Rua Dilma da Silva Correa, Vila das Palmeiras.

Na chegada ao local, os policiais avistaram Gabriel Alves Ferreira, de 24 anos, o qual já foi detido pelo crime de tráfico de drogas, saindo pelo portão da moradia. Ao perceber a viatura se aproximando, o rapaz correu para dentro do imóvel, mas deixou cair dois invólucros, os quais continham 21,5 gramas de cocaína.

O suspeito acabou abordado na varanda da residência e, em seguida, foi visualizado através da porta, Erick Kauan Romão Mendes, também de 24 anos e com histórico criminal por tráfico de drogas, saindo do banheiro.

De imediato, os policiais foram até o local onde o jovem estava e constataram que ele teria jogado entorpecentes no vaso sanitário. Dentro do cômodo, os policiais encontraram duas buchas e mais dois invólucros maiores, totalizando mais 154,7 gramas de cocaína. Com Erick ainda foi apreendida a quantia de R$170,00,

No quarto, em uma cômoda, foi encontrado um prato com uma colher com resquícios de entorpecente, uma balança de precisão e uma sacola plástica similar aos invólucros apreendidos. No local foi abordada Jocilene Aparecida Araújo Constantino, de 18 anos.

Ao serem questionados sobre as drogas, Gabriel e Erick teriam afirmado que iriam fracionar para a comercialização, mas ainda não haviam iniciado a venda. Diante dos fatos, os dois rapazes e Jocilene receberam voz de prisão pelos crimes previstos no artigo 33 e 35 da Lei 11.343/06, pela prática de tráfico de drogas e por se associarem para a prática delituosa.

Na sequência, os três jovens foram encaminhados ao plantão da Delegacia de Polícia Civil de Morretes, junto com tudo que foi apreendido, para que fossem tomadas as providências necessárias. Os celulares dos suspeitos também foram apreendidos e entregues na unidade policial, para serem periciados.