Ação conjunta prende suspeito de tráfico de drogas na Ilha dos Valadares

por Redação JB Litoral
14/10/2020 11:02 (Última atualização: 14/10/2020)

Dionatan Alberto Santetti, de 39 anos, foi preso por tráfico de drogas na Ilha dos Valadares, em Paranaguá, na noite de segunda-feira, 12, em uma ação envolvendo equipes da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal. Durante a abordagem houve a apreensão de porções de maconha, crack e cocaína, além de material usado para embalar o entorpecente e balança de precisão.

Tudo começou por volta das 21h20, quando policiais militares de Rádio Patrulha foram averiguar denúncias de que, na Rua 132 da Vila Nova, havia homem envolvido com o comércio de entorpecentes estaria fazendo ameaças contra moradores, portando uma pistola.

Com o apoio de guardas civis da Romu (Ronda Ostensiva Municipal), os militares foram até o local informado e flagraram “Jhow”, como Dionatan é conhecido, na frente de uma residência. Assim que percebeu que seria abordado, o suspeito dispensou um pacote, no qual foram encontradas sete buchas de cocaína e, em seguida, entrou na moradia, sendo alcançado na sequência.

Dionatan ainda teria reagido a abordagem, para tentar fugir, mas foi contido no local. Ao ser feita a busca pessoal, nada de ilícito foi encontrado com ele, porém, nas buscas realizadas no quintal do imóvel, foram localizadas mais porções de drogas, totalizando 20 pedras de crack, embaladas para a comercialização e seis buchas de maconha.

Ainda foram apreendidos dois rolos pequenos de papel filme, tesoura, estilete, balança de precisão e um pacote de elásticos pequenos para vedar as buchas e várias embalagens plásticas para entorpecente. Ao ser questionado sobre a pistola havia sido informado na denúncia, Dionatan alegou não tinha nenhuma arma de fogo. 

Diante dos fatos, ele acabou encaminhado para o plantão da Delegacia Cidadã, junto com tudo que foi apreendido, sendo autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e, em seguida, conduzido para o setor de  carceragem da Cadeia Pública, onde ficou recolhido à disposição da Justiça.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments