Prefeito decreta luto oficial de três dias pelo falecimento de Dom Alfredo Novak


Por Redação JB Litoral Publicado 05/12/2014 às 04h00 Atualizado 14/02/2024 às 04h20

O prefeito Edison de Oliveira Kersten decretou na manhã desta quinta-feira (4) luto oficial de três dias no município pelo falecimento do bispo emérito de Paranaguá Dom Alfredo Ernest Novak, aos 84 anos, durante a noite desta quarta-feira, após problemas de saúde que sofria há anos.

O prefeito está muito comovido com a notícia e destacou que “Dom Alfredo foi uma grande liderança religiosa em Paranaguá”. Ele está solidário aos milhares católicos que estão chorando tal perda neste momento. “Dom Alfredo sempre foi muito carinhoso com o povo católico, zeloso com seu rebanho, e demonstrou muito interesse pelo desenvolvimento de nossa cidade”, completou o prefeito Edison.

Dom Alfredo foi precursor do turismo religioso em Paranaguá, onde está o Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio, padroeira do Paraná, e conseguiu ao longo de seus vários anos de bispado trabalhar para o desenvolvimento do município, lembrou o prefeito. “O bispo emérito Dom Alfredo deixou, dentre outras coisas, o legado do turismo religioso em Paranaguá e a Prefeitura não vai medir esforços para que isso continue e melhore em nossa cidade”, garantiu o chefe do Poder Executivo.

A Diocese de Paranaguá informa que o corpo de Dom Alfredo será velado no Santuário de Nossa Senhora de Fátima, em Campina Grande do Sul durante todo o dia. No início da noite o corpo será trasladado para Paranaguá, chegando às 21h30 diretamente para o Santuário de Nossa Senhora do Rocio, onde haverá uma missa de corpo presente a partir das 22h e uma vigília durante a noite.

A partir das 6h desta sexta-feira o corpo segue para a Catedral Diocesana Nossa Senhora do Rosário. Haverá uma missa de corpo presente e no sábado às 9h acontecerá o sepultamento no próprio local.

BIOGRAFIA

Conforme nota divulgada pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) nesta quinta-feira, Dom Alfredo era natural de Dwight, em Nebraska (EUA), onde nasceu em 2 de junho de 1930. Membro da Congregação do Santíssimo Redentor (CSSR), fez profissão religiosa em 1951, sendo ordenado sacerdote no dia 02 de julho de 1956.

Ao concluir os estudos de Teologia, em Wisconsin (USA), em 1958, veio ao Brasil para atuar como missionário na Amazônia, permanecendo na região até 1968. Fixando definitivamente ao país, dom Alfredo teve intensa atuação nas atividades da CNBB, onde exerceu as funções de assessor do Setor de Meios de Comunicação Social e secretário executivo da Campanha da Fraternidade (CF), no período de 1968 a 1979.

Sua nomeação para o episcopado ocorreu em 28 de abril de 1979, por decisão do papa João Paulo II, sendo designado bispo auxiliar da região Lapa de São Paulo. Foi o segundo bispo de Paranaguá, tendo como lema “Enviou-me a proclamar a Boa Nova”. Em 2013, recebeu o título de Cidadão Honorário do Estado do Paraná, concedido pela Assembleia Legislativa.

 

Notícias

Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes inaugura serviço de puericultura para bebês em Matinhos


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…