Adolescentes sob medidas socioeducativas participam de curso profissionalizante em Paranaguá


Por Diogo Monteiro Publicado 07/07/2022 às 09h52 Atualizado 17/02/2024 às 12h06

Começou, nesta quarta-feira (5), o curso gratuito de instalação e manutenção de ar-condicionado por meio da Carreta do Conhecimento. O serviço é uma parceria entre a prefeitura de Paranaguá, secretaria municipal de Trabalho, Emprego e Assuntos Sindicais (Semtra) e secretaria Estadual de Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), através do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Professor Luis Santos é o instrutor do curso de manutenção e instalação de ar-condicionado. Foto: Diogo Monteiro/JB Litoral

O curso terá duração de 80 horas e será dividido em duas turmas, com aulas no período da tarde e noite. Em entrevista ao JB Litoral, o instrutor técnico Luis Santos falou sobre a oportunidade que a Carreta disponibiliza aos inscritos. “Os alunos terão todas as instruções para desempenhar a função. Teremos aulas teóricas e práticas e, ao final, eles estarão aptos para trabalhar como microempreendedores ou até mesmo realizando manutenções para complementar a renda“, disse.

Para o secretário da Semtra, João Lozano, o trabalho é fruto do empenho do prefeito em trazer cursos profissionalizantes para a cidade. “Desde que assumi a pasta, tenho conversado constantemente com o prefeito Marcelo Roque, para que cursos como esse sejam promovidos na cidade. Hoje recebemos a qualificação para instalação e manutenção de ar-condicionado, mas teremos outras novidades como manutenção de veículos e eletricista predial, que estão sendo negociadas para que também sejam ofertadas pelo município“, disse.

A aula inaugural foi acompanhado pelos secretários municipais de Trabalho , Emprego e Assuntos Sindicais João Lozano, Ana Paula Falanga da Assistência Social e João Carlos secretário de Segurança. Foto: Prefeitura de Paranaguá

Ressocialização

Nesta etapa do curso, participam da capacitação profissional cinco jovens que estão cumprindo medidas socioeducativas e que foram inscritos pelo Centro de Referência Especializada de Assistência Social (CREAS). É o que explica a coordenadora Renata Soares. “Os jovens foram inscritos pelo CREAS visando a promoção social dos adolescentes e suas famílias, fornecendo-lhes orientação e inserindo-os, se necessário, em programa comunitário de auxílio e assistência social e ainda diligenciar no sentido da profissionalização dos adolescentes e de sua inserção no mercado de trabalho“, frisou.

Segundo a secretaria municipal de Assistência Social, Ana Paula Falanga, as medidas socioeducativas são aplicadas somente após o processo legal ser concluído, possibilitando a ressocialização do jovem e sua inserção no mercado de trabalho. “Hoje, a Secretaria de Assistência social, através de uma parceria eficiente com a secretaria de trabalho, desenvolve ações que possam inserir os adolescentes no mercado de trabalho, promovendo a integração social e seu envolvimento no universo da empregabilidade“, disse.

Ela conta que, ao todo, o CREAS dá assistência a 31 adolescentes por meio da equipe do Medidas Socioeducativas.

Notícias

Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes inaugura serviço de puericultura para bebês em Matinhos


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…