Em Morretes, polícia apreende celular de mulher acusada de fazer vídeos da filha nua


Por Redação Publicado 18/07/2023 às 17h47 Atualizado 18/02/2024 às 17h32

Nesta terça-feira (18), a Polícia Civil do Paraná (PCPR) divulgou uma ação realizada em Morretes para cumprimento de um mandado de busca e apreensão. A ordem judicial foi cumprida visando apreender objetos relacionados ao crime de armazenamento de pornografia infantojuvenil cometido por uma mulher de 34 anos. 

Conforme as informações divulgadas no site da PCPR, durante o cumprimento do mandado, realizado na última quinta-feira (13), os policiais apreenderam um telefone celular de propriedade da suspeita.

O delegado André Silva, da PCPR, informou que o crime ocorreu no mês de abril. “Cumprimos o mandado visando obter mais provas do crime cometido pela suspeita. Na ocasião, a mulher fazia vídeos da filha nua e pedia para ela se tocar. A vítima tinha 15 anos”, afirma ele.

As investigações continuam para o esclarecimento do caso.

Notícias

Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes inaugura serviço de puericultura para bebês em Matinhos


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…