Ministério Público denuncia 14 pessoas por tráfico de drogas e organização criminosa em Pontal do Paraná


Por Gabriel Santos Publicado 07/07/2022 às 18h19 Atualizado 17/02/2024 às 12h09
Fachada do Ministério Público do Paraná
O organização criminosa foi identificada a partir de investigação da Polícia Civil que apurava o homicídio de funcionário de um bar.(Foto: Arquivo JB Litoral)

O Ministério Público do Paraná (MPPR), por meio da Promotoria de Justiça da Comarca de Pontal do Paraná, ofereceu denúncia contra 14 pessoas por organização criminosa, tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e outros crimes. O MPPR sustenta que os requeridos seriam responsáveis por gerenciar diversos pontos de tráfico de entorpecentes em bairros do Município. Duas adolescentes também envolvidas nos fatos foram representadas e devem responder por atos infracionais análogos aos crimes.

Conforme a denúncia, recebida nesta semana pela Justiça, a organização criminosa foi identificada a partir de investigação da Polícia Civil – PCPR que apurava o homicídio de funcionário de um bar. A partir de análise de dados autorizada judicialmente, foi verificado o envolvimento dos réus com o tráfico nas localidades de Balneário Grajaú e Pontal do Sul, em Pontal do Paraná, justamente a partir do bar e de outros estabelecimentos comerciais. Entre os denunciados, cinco estão presos preventivamente e quatro estão foragidos.

Além de condenação em penas privativas de liberdade, o MPPR requer também a expropriação de bens, imóveis e valores depositados em contas bancárias utilizadas nas condutas criminosas.

Notícias

Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes inaugura serviço de puericultura para bebês em Matinhos


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…


A Maternidade Nossa Senhora dos Navegantes, em Matinhos, inaugurou, na última sexta-feira (5), o serviço de consultas de Puericultura para…